sábado, 28 de agosto de 2010

Tired of all this world




Você simplesmente cansa da rotina. Cansa de acordar todo dia, ver as mesmas pessoas, conviver com a mesma realidade desgastante. Cansa de conviver com pesadelos contínuos que não fazem parte da ficção. Cansa de dias vazios, cansa de deitar a cabeça sob o travesseiro e passar a noite acordado pensando no que fazer para sair desse caos. Cansa de tanta hipocrisia, de sorrisos falsos, de palavras sem sentido. Cansa de ouvir músicas tristes. Cansa de olhar pela janela e não ver nada além do que vê todo dia. Cansa de não demonstrar emoções, cansa de ser uma marionete articulada pela usualidade.
Cansei de só te ver ir embora, de só acenar enquanto seus passos te levam para longe de mim. Cansei de não conseguir dizer uma palavra, de não conseguir provar que tudo que eu não digo é verdade, de desaparecer como as estrelas quando amanhece, de me encolher quando você me vê. Cansei de ser receosa do que pode acontecer, cansei de contar carneirinhos para conseguir dormir, das noites em claro, dos feriados vazios. Cansei de não querer mais nada, de sorrir sem vontade, de esperar por algo que não virá. Cansei de ter esperanças, de olhar pela janela e não te ver. Cansei de lamentar, de chorar, de drama. Cansei de tudo aquilo que corrói, do desgaste que a rotinha traz, dos anseios que não se realizaram. Cansei dessa cidade pacata, mas cansei também do agito sem você. Cansei de sonhar, estou farta de estrelas sem luz. Cansei de amar você, mas meu coração ainda não cansou.

9 comentários:

Thiara Ribeiro disse...

Ando tão cansada da minha rotina! ^^

Ficou otimo o texto!
;*

tamara furlan disse...

sempre assim ;/ tambem me cansei de tudo ;]
adorei o texto!

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

...traigo
sangre
de
la
tarde
herida
en
la
mano
y
una
vela
de
mi
corazón
para
invitarte
y
darte
este
alma
que
viene
para
compartir
contigo
tu
bello
blog
con
un
ramillete
de
oro
y
claveles
dentro...


desde mis
HORAS ROTAS
Y AULA DE PAZ


TE SIGO TU BLOG




CON saludos de la luna al
reflejarse en el mar de la
poesía...


AFECTUOSAMENTE
ANA LUÍSA

ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE CACHORRO, FANTASMA DE LA OPERA, BLADE RUUNER Y CHOCOLATE.

José
Ramón...

Nina disse...

A rotina é desgastante e deprimente... Amei seu blog. muito bacana. Já estou seguindo..


Ps: Meus blogs:

http://tekiero-love.blogspot.com/
http://doce-meio-amargo.blogspot.com/

jefhcardoso disse...

Ana Luísa, eu ia passando, conhecendo e acabo de ler. Olhe, eu espero que deste cansaço ressurja a disposição. Há dias em que...

“Amar por amar, sem nada esperar em troca, é a verdade do amor” (Jefhcardoso)

http://jefhcardoso.blogspot.com convida hoje

Barbara Martins Fontes Monfrinato disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
- disse...

Me identifiquei tanto com esse texto! Acho que estou na mesma fase, chega de hipocresia e de fazer social para ser bem aceita.. Chega de ficar sonhando quando talvez a realidade esteja te acenando para que você não se machuque outra vez. Chega. A vida é assim, complicada meesmo, e conforme os altos e baixos que estamos vamos aprendendo a nos desapegar daquilo que já não queremos mais, e a dar mais valor aquilo qe quase perdemos. Ótimo textooo!

Beeeijoooos

BiaLeone disse...

Hey .... você é foda '-' adoreii (Y)
To seguindo gata ... me segue lá também
By
kisses (K)

Júlia Girardi disse...

meu texto predileto :)
porque todo mundo algum dia vai cansar, e mudar.

Postar um comentário