sábado, 5 de março de 2011

Biggest third




Não sei como será daqui pra frente. Não sei como e nem onde estarão as pessoas que me acompanharam durante quase toda minha vida, dividindo as melhores e mais inesquecíveis histórias, me cedendo a mão e o coração. Nos perderemos um do outro nesse vasto mundo, cada um seguindo seus próprios sonhos, buscando realizar todos os anseios guardados durante tanto tempo. Um longo tempo de convivência, anos que a maioria costuma contar, medir. Mas, nós da grande família do terceirão, simplesmente sabemos: os risos, as histórias, as brincadeiras... Tudo isso é incontável. Eternizou-se. Cada momento único e especial, ficará guardado para sempre. Aquelas manhãs geladas, aqueles conteúdos difíceis que não se podia entender de jeito nenhum, os desabafos, até mesmo as reclamações e discussões (que, com o passar do tempo, percebemos o quanto eram insignificantes...), as danças e paródias, as conversas, aquelas noites de estudo para conseguir vencer o conteúdo, aquele cansaço que sempre acaba valendo a pena, as fotos, viagens e excursões... E, agora, vemos um novo mundo abrindo-se para nós. Um universo de oportunidades, de caminhos e de opções. É, eu realmente não sei como cada um de vocês estará daqui uns dez ou vinte anos. Mas de uma coisa eu tenho certeza: tudo que vivemos juntos, desde a infância, são histórias que eu jamais esquecerei e que lembrarei para sempre como as melhores da minha vida. Com o passar do tempo, olharei para aquelas fotos e sentirei tanta saudade que desejarei que os nossos caminhos se cruzem de novo. E eu sei que irão. Todas as verdadeiras amizades que construímos se consolidarão, independente do tempo ou da distância.
Temos todo um 2011 maravilhoso pela frente. Um ano para vivermos tudo que ainda não vivemos em todos os anos que já se foram. E, quando dezembro chegar, o diploma estiver em nossas mãos e a noite colocar fim a essa etapa da caminhada, sei que não será uma despedida. Será, no máximo, um "até logo".

3 comentários:

bia santos disse...

Aí um dia você pára e descobre que cresceu...

É a vida...

Cabeludo CD's disse...

gostei do blog...

cabeludocds.blogspot.com

Priscilla disse...

Concordo com a Bia.
Beijos meus

Postar um comentário